sábado, 11 de agosto de 2012

Uso do Pretérito Perfeito, Pretérito Imperfeito e Pretérito Mais-Que-Perfeito


É muito comum alguns professores dizerem aos alunos que o tempo passado se divide em pretérito perfeito, imperfeito e mais-que-perfeito, mas não explicarem o uso correto de cada tempo, limitando-se a fazer com que os alunos apenas decorem as conjugações de cada um.




· O Pretérito Perfeito é utilizado para indicar uma ação já concluída.

Ex.: João chegou de viagem.


· O Pretérito Imperfeito é utilizado para indicar uma ação não concluída, que dá uma ideia de continuidade.

Ex.: Ele sempre chegava atrasado.


· O Pretérito Mais-Que-Perfeito é utilizado para indicar uma ação que foi concluída antes de outra ação também já concluída.

Ex.: Quando eu cheguei (pretérito perfeito), ela já saíra (pretérito mais-que-perfeito).


Obs.: Atualmente, tem-se utilizado uma locução verbal em substituição ao pretérito mais-que-perfeito.

Ex.: Quando eu cheguei, ela já tinha saído.

12 comentários: