terça-feira, 6 de março de 2012

“Donde”, “daonde” ou “de onde”?

Observe as frases abaixo:

Não sei “donde” eles vieram.
Não sei “daonde” eles vieram.
Não sei “de onde” eles vieram.

A forma “donde” é dicionarizada, mas está em desuso e deve ser evitada.
A forma “daonde” não existe e sua utilização é incorreta.

Se houver a ideia de procedência, utilize “de onde”. Portanto, a frase correta é:
Não sei “de onde” eles vieram.

4 comentários:

  1. Como se explica o uso massivo da palavra? Em nosso país a grande maioria se expressa como "daonde" ou "da onde" em lugar de "donde" ou "de onde". (haja vistas o grande número de profissionais da mídia falada que utilizam)

    Então quando o uso massivo passa a fazer parte do cotidiano a palavra, etimologicamente, não tornar-se correta?

    ResponderExcluir
  2. valeu,consegui convencer um amigo teimoso que achou ruim quando eu disse que na musica de Herbert vianna tema de tropa de elite,o cantor cometeu um grave erro cantando "daonde" vem o tiro,em vez de de onde.
    nesse caso não cabe nem a tal "licença poética",..foi erro de português mesmo.

    ResponderExcluir
  3. Aonde é usado em situações que indicam movimento.
    Onde é usado em situações estáticas.
    O verbo vir indica movimento. Como explicar o uso de onde?
    OBS: Sou leigo total.

    ResponderExcluir